Daesh está se fortalecendo e pode avançar para sul da África, alerta embaixador russo na ONU

© AP Photo / Jerome DelayForças da Nigéria e do Chade participam de exercício conjunto coordenado pelos EUA, com objetivo de combater ameaça terrorista na região do Sahel, na África central
Forças da Nigéria e do Chade participam de exercício conjunto coordenado pelos EUA, com objetivo de combater ameaça terrorista na região do Sahel, na África central - Sputnik Brasil, 1920, 10.02.2021
Nos siga noTelegram
O grupo terrorista Daesh (organização proibida na Rússia e vários outros países) representa uma ameaça e pode se expandir para o sul da África, disse o embaixador russo na ONU, Vasily Nebenzya. 

Em uma reunião do Conselho de Segurança realizada nesta quarta-feira (10), o diplomata alertou para o fortalecimento do grupo terrorista na região

"A ameaça do Daesh está ganhando força no Saara e Sahel e em áreas de Mali, Burkina Faso e Níger. As entidades do Daesh no Saara estão tentando criar um califado islâmico", afirmou Nebenzia. 

O embaixador russo explicou que, "como os combatentes estão ganhando terreno na África central, existe a possibilidade de que se estendam aos Estados do Sul". 

Nebenzia ressaltou a situação de dificuldade que Moçambique passa atualmente, onde grupos armados ligados ao Daesh têm ameaçado campos de gás no país, com objetivo de conseguirem uma fonte de renda. 

O subsecretário do Escritório de Contraterrorismo da ONU, Vladimir Voronkov, por sua vez, também alertou para as crescentes ameaças do Daesh no continente africano. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала