Outro comandante iraniano teria sido morto no Iraque, afirmam fontes locais

© Foto / IRNARepresentantes do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI) desfilam com retratos de heróis mortos nas guerras passadas
Representantes do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI) desfilam com retratos de heróis mortos nas guerras passadas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um ataque de drone teria matado um comandante do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI) na província de Anbar, segundo afirmaram fontes locais.

A notícia foi divulgada nesta segunda-feira (30) pela Al Arabiya, citando fontes iraquianas.

De acordo com o canal, Muslim Shahdan, um dos comandantes da CGRI, teria sido vítima de um bombardeio na noite do último domingo (29) quando se deslocava em um veículo perto da fronteira com a Síria. Outras três pessoas que estavam com o comandante no momento do incidente também teriam morrido. 

​Até o momento, Teerã não se pronunciou oficialmente sobre o caso. No entanto, fontes ouvidas pelo Al-Mayadeen negaram que Shahdan tenha sido assassinado.

Em janeiro deste ano, um ataque aéreo norte-americano em Bagdá vitimou o alto general iraniano Qassem Soleimani, então comandante da Força Quds do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica do Irã e uma das figuras mais respeitadas no Irã, gerando grande indignação no país e na região.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала