- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Brasil registra 754 mortes em 24h e passa de 167 mil óbitos por COVID-19

© AFP 2022 / Tarso SarrafMenina segura vela em cemitério de Belém, no estado do Pará, 2 de novembro de 2020
Menina segura vela em cemitério de Belém, no estado do Pará, 2 de novembro de 2020  - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Nesta quarta-feira (18), o Brasil registrou 754 novas mortes por COVID-19 e chegou a 167.497 óbitos.

Segundo os dados do consórcio de veículos de imprensa, com informações das secretarias estaduais de Saúde, a média móvel de mortes diárias nos últimos sete dias no país chegou a 584 óbitos.

Essa é a maior média registrada desde o dia 11 de outubro. O resultado aponta ainda uma alta de 49% em relação à média de 14 dias atrás – o que indica a maior tendência de alta desde maio.

O Brasil registra um total de 5.947.403 casos de COVID-19, tendo registrado 38.401 novo casos nesta quarta-feira (18). A média móvel de casos chegou a 28.342 infecções diárias nos últimos sete dias, apontando uma variação positiva de 68% em relação às últimas duas semanas.

© Folhapress / Lalo de Almeida Sepultadores e parentes carregam caixão com vitima da COVID-19 no cemitério da Vila Formosa, na zona leste de Sao Paulo
Brasil registra 754 mortes em 24h e passa de 167 mil óbitos por COVID-19 - Sputnik Brasil
Sepultadores e parentes carregam caixão com vitima da COVID-19 no cemitério da Vila Formosa, na zona leste de Sao Paulo

No total, treze estados apresentam alta na média móvel de mortes. Entre eles todos os estados das regiões Sul e Sudeste, além de Goiás, Mato Grosso, Amapá, Rondônia, Tocantins e Rio Grande do Norte.

Já os estados com estabilidade são Mato Grosso do Sul, Pará, Bahia, Maranhão, Pernambuco e Piauí, além do Distrito Federal. Outros sete estados registram queda na média, são eles Acre, Amazonas, Roraima, Alagoas, Ceará, Paraíba e Sergipe.

O Brasil é o segundo país do mundo em número de mortes, atrás apenas dos Estados Unidos, como apontam os dados da Universidade Johns Hopkins. Os EUA registram mais de 250 mil mortes, além de quase 11,5 milhões de casos do novo coronavírus.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала