Após invasão falha na Caxemira, Índia e Paquistão trocam tiros na fronteira com 'baixas' de civis

© AP Photo / Mukhtar KhanMilitares no local da derrubada de um helicóptero indiano no distrito de Budgam, na Caxemira
Militares no local da derrubada de um helicóptero indiano no distrito de Budgam, na Caxemira - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Exércitos da Índia e do Paquistão trocaram tiros de morteiro pesado na Linha de Controle em três localidades em Jammu e Caxemira, confirmaram na sexta-feira (13) oficiais militares da Índia.

Recentemente, oficiais de segurança da Índia revelaram que alegadas tentativas do Paquistão de contrabandear terroristas para Jammu e Caxemira provavelmente aumentariam antes de forte nevada no vale, o que limitaria a passagem pela zona. A Índia acusou o Paquistão de patrocinar terrorismo na Caxemira, alegação que Islamabad, capital paquistanesa, nega.

Segundo Exército indiano, a troca de tiros aconteceu depois da Índia ter impedido invasão no setor Keran, no distrito Kupwara, no norte da Caxemira.

"Na sexta-feira [13], uma movimentação suspeita foi observada pelas nossas tropas nos postos da frente na Linha de Controle no Setor Keran. Invasão suspeita foi impedida pelas nossas tropas de alerta, o que foi acompanhado pelo início de não provocada violação de cessar-fogo pelo Paquistão na Linha de Controle do Setor Keran que disparou morteiros e outras armas. Estamos dando uma resposta adequada", informou em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa indiana, coronel Rajesh Kalia, citado pela agência AP.

O coronel indiano adicionou que disparos estão acontecendo em vários postos na fronteira entre a Índia e o Paquistão nos setores de Keran a Uri.

Esta foi a segunda tentativa de pessoas desconhecidas de atravessarem a fronteira ilegalmente. Anteriormente, três terroristas foram mortos tentando invadir o Setor Machhal entre 7 e 8 de novembro.

© AP Photo / Dar YasinSoldados indianos instalam bloqueio em estrada de Jammu e Caxemira
Após invasão falha na Caxemira, Índia e Paquistão trocam tiros na fronteira com 'baixas' de civis - Sputnik Brasil
Soldados indianos instalam bloqueio em estrada de Jammu e Caxemira

A Internet foi bloqueada em Kupwara, perto do Setor Keran, como medida preventiva.
Na manhã desta sexta-feira (13), o Exército paquistanês anunciou que um civil foi assassinado e outros três ficaram feridos por disparos de tropas indianas enquanto tentavam atravessar a fronteira nos setores Rakhchikri e Khanjar. O porta-voz do Exército do Paquistão declarou que tropas da Índia miraram contra civis com foguetes e morteiros.

Índia e Paquistão têm trocado acusações de violação do cessar-fogo e de atirar em civis na fronteira. Os dois países lutaram em duas guerras por Jammu e Caxemira, uma área reivindicada totalmente por ambos, mas controlada em partes. Os lados conflituosos trocam também acusações de financiamento do terrorismo. Laços diplomáticos entre Nova Deli e Islamabad pioraram quando a Índia revogou o status especial de Jammu e Caxemira em agosto de 2019.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала