Pentágono e OTAN projetam 'boias inteligentes' para vigiar oceanos

© Foto / DARPARepresentação artística do projeto de boias inteligentes da DARPA e OTAN
Representação artística do projeto de boias inteligentes da DARPA e OTAN - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa (DARPA, na sigla em inglês) do Pentágono e a OTAN firmaram uma parceria para projetar uma rede de dispositivos flutuantes capazes de mapear e monitorar os oceanos.

Nesta terça-feira (10), o Centro de Pesquisa e Experimentação Marítima (CMRE, na sigla em inglês), anunciou que o centro iniciou o trabalho com a DARPA sobre sensores flutuantes que podem fazer uma varredura de grandes superfícies dos oceanos.

De acordo com a DARPA, o projeto visa "fornecer conhecimento permanente da situação marítima sobre grandes áreas dos oceanos através da implantação de milhares de pequenos flutuadores de baixo custo que formam uma rede de sensores distribuídos".

© DARPAUm dos sensores flutuantes de 18 quilos construídos pela PARC para a DARPA
Pentágono e OTAN projetam 'boias inteligentes' para vigiar oceanos - Sputnik Brasil
Um dos sensores flutuantes de 18 quilos construídos pela PARC para a DARPA

O CMRE também se referiu aos dispositivos como "flutuadores à deriva" e observou que eles transportarão aproximadamente 20 instrumentos que podem apoiar tanto as pesquisas oceanográficas como os exercícios da OTAN.

"Cada boia inteligente possui um conjunto de sensores para coletar dados ambientais [...] bem como dados de atividades de embarcações comerciais, aeronaves e até mamíferos marítimos que se deslocam pela área [...] Os flutuadores enviam os dados periodicamente via satélite para uma rede em nuvem para armazenamento e análise em tempo real", adicionou a DARPA.

"Os sensores incluem câmeras, rádio definido por software, receptores AIS, microfones e hidrofones", disse o gerente de projeto da DARPA, John Waterson.

A DARPA já conta com 1.500 destes dispositivos, que estão sendo testados no sul da Califórnia e no golfo do México, segundo a empresa Xerox, da PARC, que deve entregar outros 10.000 equipamentos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала