- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Defensoria Pública pede à Justiça para que cédulas de R$ 200 sejam retiradas de circulação

© REUTERS . Adriano MachadoHomem mostra cédula de 200 reais após o Banco Central do Brasil emitir a nova nota, em Brasília
Homem mostra cédula de 200 reais após o Banco Central do Brasil emitir a nova nota, em Brasília - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Defensoria Pública da União (DPU) pediu à Justiça que o Banco Central suspenda a fabricação das notas de R$ 200 alegando "falta de acessibilidade", já que as novas cédulas têm a mesmas dimensões da nota de R$ 20.

A DPU ingressou com uma Ação Civil Pública assinada em conjunto com a Defensoria Pública do Distrito Federal e com a Organização Nacional de Cegos do Brasil.

"A inviabilização da identificação da nova cédula pelas pessoas com deficiência visual, por gerar efeitos de exclusão e prejuízo ao exercício dos direitos dessa comunidade, caracteriza discriminação por parte da Administração Pública", diz um trecho do documento, citado pelo portal G1.

A ação protocolada na última sexta-feira (9) também prevê multa de R$ 50 mil por dia em caso de descumprimento.

No documento, a Defensoria Pública também solicita que a Justiça determine o recolhimento das notas de R$ 200 já em circulação.

A nova nota de R$ 200 foi lançada no dia 2 de setembro e se tornou a sétima cédula da família de notas do real. O Banco Central encomendou à Casa da Moeda a produção, até dezembro, de 450 milhões de cédulas do novo valor.

Essa é a primeira cédula de um novo valor da família do real em 18 anos. A última, a de R$ 20, tinha sido lançada em 2002.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала