Azerbaijão afirma que combatentes sírios e de outros países lutam ao lado da Armênia

© REUTERS / Aziz KarimovСолдат азербайджанской армии в Баку
Солдат азербайджанской армии в Баку  - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa do Azerbaijão declarou que pessoas da Síria e de outros países do Oriente Médio estão lutando do lado da Armênia.

"Segundo informação recebida da inteligência, há muitos mercenários de origem armênia da Síria e de diversos países do Oriente Médio entre as perdas do inimigo. Porém, como não estão registrados oficialmente na Armênia, o inimigo oculta facilmente estas perdas", afirmou o porta-voz do Ministério da Defesa do Azerbaijão, o coronel Vagif Dyargahly.

Nesta segunda-feira (28), o embaixador da Armênia na Rússia, Vardan Toganyan, declarou que militantes enviados pela Turquia da Síria já estão participando dos combates em Nagorno-Karabakh.

Na manhã do domingo (27), ocorreu um confronto armado em Nagorno-Karabakh, uma região autônoma de maioria armênia que proclamou independência em 1991 da então República Socialista Soviética do Azerbaijão.

O conflito em Nagorno-Karabakh começou em fevereiro de 1988, quando a região autônoma de Nagorno-Karabakh anunciou sua separação da República Socialista Soviética do Azerbaijão.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала