Itália registra mais 712 mortes por coronavírus e número total chega a 8.215

© AP Photo / Antonio CalanniSoldados com máscaras conferem documentos de passageiros antes de embarque em estação de trem de Milão, na Itália
Soldados com máscaras conferem documentos de passageiros antes de embarque em estação de trem de Milão, na Itália - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Itália registrou mais 662 mortes pelo coronavírus nas últimas 24 horas, fazendo o número total de vítimas fatais chegar a 8.165, informou a Agência de Proteção Civil nesta quinta-feira (26). 

O órgão, no entanto, não contabilizou 50 mortes registradas na região do Piemonte, a terceira mais afetada da Itália, segundo publicou a agência Reuters. 

A Agência de Proteção Civil informou depois que os números de Piemonte chegaram tarde para serem acrescentados no sistema, o que só será feito na sexta-feira (27). 

Com os registros da região, as últimas 24 horas tiveram 712 mortes no país, fazendo o número de vítimas fatais chegar a 8.215. 

Na quarta-feira (25), o governo anunciou que ocorreram 683 mortes, enquanto na terça-feira (24) esse número foi de 743.

O recorde até agora de vítimas fatais é do dia 21 de março, quando foram registradas 793 mortes. A pandemia se iniciou no dia 21 de fevereiro na Itália. 

O número de casos da COVID-19, nome da doença causada pelo novo coronavírus, chegou a 80.539 no país (sem contar Piemonte), contra um registro anterior de 74.386 - o que significa 4.492 novos casos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала