- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Casos de coronavírus no Brasil sobem para 52, diz Ministério da Saúde

© Folhapress / AgifPassageiros do metrô de São Paulo usam máscaras na estação Japão-Liberdade, para se proteger e evitar a transmissão do novo coronavírus
Passageiros do metrô de São Paulo usam máscaras na estação Japão-Liberdade, para se proteger e evitar a transmissão do novo coronavírus - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os números de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil aumentou de 37 para 52, segundo o Ministério da Saúde informou nesta quarta-feira (11).

De acordo com atualização do boletim da pasta, há 907 casos sendo investigados e 935 descartados para a doença provocada pelo vírus, o COVID-19. 

O estado com o maior número de casos é São Paulo, 30 pacientes. Em seguida, aparecem Rio de Janeiro (13), Bahia (2), Rio Grande do Sul (2), Distrito Federal (2), Alagoas (1), Minas Gerais (1) e Espírito Santo (1).

Na manhã de hoje a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia da enfermidade. 

A entidade afirma que há mais de 118 mil casos de infectados pelo novo coronavírus no mundo, em 114 países, além de 4.291 mortes causadas pelo COVID-19. 

Mais cedo, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que nada mudaria no país com a medida da OMS.

Pacientes de todos os continentes são 'casos suspeitos'

Mandetta afirmou ainda que pacientes com sintomas, que chegarem de todos os continentes, serão considerados "casos suspeitos".

"Qualquer pessoa que chegue no Brasil ainda neste momento, com febre, tosse, gripe, já tem nexo para você poder falar: 'oh, é um caso suspeito. Por que? Porque veio de fora de locais que têm transmissão sustentada. Mas nós já estávamos trabalhando assim, né? Nós já estávamos com América, Europa, Ásia, Oceania. Só não estávamos ainda considerando os da América do Sul e África, agora são todos", afirmou, citado pelo portal G1.

Pela segunda vez nesta semana, a Bolsa de Valores caiu mais de 10% e as negociações foram interrompidas. O Ministério da Economia informou hoje que sua estimativa oficial para o crescimento do país em 2020 foi reduzida de 2,4% para 2,1%. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала