EUA analisam opções para ajudar a Turquia na região síria de Idlib, diz Pompeo

© AP Photo / Francisco SecoMike Pompeo fala com jornalistas durante comitiva de imprensa na sede da OTAN em Bruxelas
Mike Pompeo fala com jornalistas durante comitiva de imprensa na sede da OTAN em Bruxelas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os EUA estão conversando com a Turquia e analisando opções para ajudar aquele país na província síria de Idlib, afirmou o secretário de Estado Mike Pompeo nesta sexta-feira em um comunicado.
"Os EUA estão trabalhando com nossos aliados turcos e analisando opções para ajudar a Turquia contra essa agressão, enquanto procuramos evitar no futuro a brutalidade do regime de [Bashar] Assad [presidente da Síria] e da Rússia e aliviar o sofrimento humanitário em Idlib", informa o texto.

A tensão na zona desmilitarizada de Idlib, criada em 2018 por um acordo entre os presidentes Vladimir Putin, da Rússia, e Recep Tayyip Erdogan, da Turquia, estava aumentando no início de fevereiro devido à troca de ataques entre os militares turcos e sírios.

Ao mesmo tempo, Damasco desenvolve uma ofensiva para recuperar o controle daquela província, a última fortaleza de grupos terroristas e rebeldes.

Enquanto isso, a situação em Idlib piorou depois que o grupo terrorista Hayat Tahrir al-Sham (anteriormente conhecido como Frente Nusra, proibido na Rússia e em outros países) em 27 de fevereiro lançou ataques maciços contra Idlib, aos quais o Exército sírio respondeu com um bombardeio aéreo.

A ação síria matou 33 soldados turcos e deixou mais de 30 pessoas feridas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала