Putin ratifica acordo espacial com Angola

© Sputnik / Grigory SysoevPresidente da Rússia, Vladimir Putin, recebe o seu homólogo angolano, João Lourenço, em abril de 2019
Presidente da Rússia, Vladimir Putin, recebe o seu homólogo angolano, João Lourenço, em abril de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ratificou um acordo entre o governo russo e gabinete de ministros de Angola sobre cooperação espacial. O acordo cobre áreas como pesquisa e uso do espaço para fins pacíficos.

O objetivo do acordo é a criação de base legal e administrativa para o desenvolvimento da cooperação bilateral em pesquisa espacial e realização de atividades espaciais com fins pacíficos de maneira conjunta.

"Ratifica-se o acordo assinado entre os governos da Rússia e de Angola sobre cooperação na esfera de pesquisa e uso do espaço para fins pacíficos", informou site do governo russo.

O acordo também abre caminho para a realização de projetos espaciais conjuntos de longo prazo.  No formato de acordo-quadro, o documento lança as bases para a cooperação e prevê regulamentos em áreas como propriedade intelectual, intercâmbio de informações, controle de exportações e controles alfandegários para produtos sensíveis.

Do lado russo, o acordo será implementado pela empresa russa de atividades espaciais, Roscosmos, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Digital, Comunicações e Mídia de Massa. Do lado angolano, o Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação deve coordenar as atividades.  

© Sputnik / Pablo RodriguesMinistra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação de Angola, Maria do Rosário Bragança Sambo, no Fórum Econômico Rússia-África, 23 de outubro de 2019
Putin ratifica acordo espacial com Angola  - Sputnik Brasil
Ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação de Angola, Maria do Rosário Bragança Sambo, no Fórum Econômico Rússia-África, 23 de outubro de 2019

Moscou já participa de atividades de cooperação espacial com Luanda, como na construção do satélite AngoSat-2. A cooperação espacial entre os dois países tem o objetivo de desenvolver os setores de telecomunicação e navegação espacial de Angola.

O acordo foi assinado durante visita do presidente de Angola, João Lourenço, a Moscou, em abril de 2019.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала