Militares sírios afirmam ter abatido drone turco espião no nordeste do país (FOTO)

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensSoldados do Exército Sírio em um BMD-1
Soldados do Exército Sírio em um BMD-1 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Turquia declarou recentemente que não há necessidade alguma de continuar a operação militar no nordeste da Síria, destacando, porém, que a missão continuará até que os objetivos sejam alcançados.

De acordo com a agência de notícias estatal síria SANA, as tropas governamentais da Síria interceptaram e derrubaram na quinta-feira (28) um drone de reconhecimento turco.

O veículo aéreo não tripulado teria sido derrubado ao sobrevoar a província de Al-Hasakah, que fica no nordeste do país árabe. O drone foi resgatado por militares sírios, segundo a SANA.

Informações sobre abate de drone surgem em meio a contínuos confrontos entre o Exército sírio e os militantes locais, apoiados por Ancara, que aumentaram sua presença na região no âmbito da operação turca Fonte de Paz, iniciada no mês passado.

Forças governamentais da Síria derrubaram drone de reconhecimento turco em Al-Hasakah.

A operação no nordeste da Síria, iniciada pela Turquia, tem como meta combater as forças curdas que são consideradas por Ancara terroristas.

Por sua vez, Damasco chegou a um acordo com as Forças Democráticas da Síria (FDS), que são lideradas por curdos, conseguindo, assim, restabelecer controle em vários territórios – inclusive na cidade de Kobane – anteriormente controlados por grupos armados.

Moscou e Ancara fecharam um acordo em outubro para interromper a incursão turca no nordeste da Síria, sob a condição de que combatentes curdos deixassem uma área de 30 quilômetros ao longo da fronteira da Turquia. Desde então, a polícia militar russa tem patrulhado partes da região fronteiriça com os militares turcos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала