Califórnia anuncia boicote à montadores que apoiam investida de Trump contra política ambiental

© Johannes Eisele/AFPFMI calcula que aquecimento global vai reduzir em 10% PIB dos países pobres
FMI calcula que aquecimento global vai reduzir em 10% PIB dos países pobres - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Califórnia anunciou nesta segunda-feira (18) que suspenderá as compras de veículos da GM, Toyota e Fiat Chrysler, entre ou outras montadoras.

A medida tem como alvo montadoras que apoiam o plano do presidente Donald Trump de impedir o Estado da Califórnia de determinar seu próprio limite legal de emissão de poluentes por carros. 

Entre 2016 e 2018, a Califórnia comprou US$ 58,6 milhões em veículos da General Motors, US$ 55,8 milhões da Fiat Chrysler e US$ 10,6 milhões da Toyota Motor e outros US$ 9 milhões da Nissan, segundo a agência de notícias Reuters.

No mês passado, GM, Toyota, Fiat Chrysler e membros da associação comercial Global Automakers apoiaram o esforço do governo Trump de impedir a Califórnia de ter seu próprio limite legal de emissão de poluentes por automóveis.

As regras da Califórnia são mais rígidas que os padrões nacionais propostos por Washington e foram seguidas por outros 13 Estados dos EUA. 

A partir de janeiro, o estado só comprará de montadoras que reconhecem a autoridade legal da Califórnia para estabelecer padrões de emissões. Essas montadoras incluem a Ford, Honda, BMW e Volkswagen, que fecharam um acordo com a Califórnia em julho para seguir os padrões estaduais ​​de emissões de veículos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала