OTAN descarta envio de tropas para norte da Síria

© Sputnik / Alexey Vitvitsky / Abrir o banco de imagensSecretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, durante a cúpula da União Europeia, em Bruxelas
Secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, durante a cúpula da União Europeia, em Bruxelas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, descartou, neste momento, o envio de tropas da aliança para o norte da Síria, região que vive dias de grandes tensões.

Após uma reunião com ministros da Defesa do bloco nesta quinta-feira, Stoltenberg pontuou que nenhum dos presentes solicitou a instalação de forças da OTAN naquela região, palco de uma ofensiva da Turquia contra militantes curdos-sírios.

Tal discussão ocorre em meio a um pedido da ministra da Defesa da Alemanha, Annegret Kramp-Karrenbauer, para debater com aliados a criação de uma zona de segurança internacional no norte da Síria.

A ministra da Defesa Kramp-Karrenbauer e sua colega Florence Parly, da França, discutem a situação no nordeste da Síria às margens da reunião de ministros da Defesa da OTAN em Bruxelas.

​"Não houve um pedido específico por tropas da OTAN no norte da Síria. Houve um pedido por um forte engajamento político internacional [...] E a ministra da defesa alemã apresentou suas propostas", disse o secretário-geral em coletiva de imprensa.

De acordo com Soltenberg, a aliança militar ocidental favorece o envolvimento internacional no norte da Síria em apoio a uma solução política baseada nos esforços da ONU nesse sentido.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала