Trump diz ter opiniões mais duras do que as de Bolton em relação a Cuba e Venezuela

© AP Photo / Evan VucciO presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu ex-conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton, durante reunião na Casa Branca (arquivo)
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu ex-conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton, durante reunião na Casa Branca (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, utilizou o Twitter para atacar hoje o seu ex-conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton, demitido na última terça-feira.

Ao comentar uma publicação do senador republicano Marco Rubio, o chefe de Estado norte-americano acusou seu antigo assessor de "segurá-lo" em relação a questões como da Venezuela e de Cuba.

"Acabei de falar com Donald Trump sobre a Venezuela. É verdade que ele discordava de algumas visões de seu ex-conselheiro. Mas, como ele me lembrou, é, na verdade, o extremo oposto do que muitos alegam ou presumem. Se realmente a direção da política mudar, não será para torná-la mais fraca", escreveu Rubio, ao que Trump respondeu: 

​Na verdade, minhas visões sobre a Venezuela, e especialmente Cuba, eram mais fortes do que as de John Bolton. Ele estava me segurando!

Na última terça-feira, ao demitir Bolton, o presidente dos Estados Unidos já havia mencionado essa falta de compatibilidade, dizendo que não apenas ele, mas também outros membros de sua equipe discordavam das ideias do ex-assessor.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала