Coreia do Sul planeja apresentar queixa contra o Japão à OMC

© REUTERS / Toru HanaiPolicial com bandeiras da Coreia do Sul e do Japão em fundo
Policial com bandeiras da Coreia do Sul e do Japão em fundo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governo da Coreia do Sul informou nesta quarta-feira (11) que apresentará queixa à Organização Mundial do Comércio (OMC) quanto ao controle de exportações pelo Japão, em meio a disputa comercial entre os dois países.

Segundo as autoridades sul-coreanas, o Japão violou leis internacionais do comércio ao restringir exportações de três tipos de materiais em julho. Os produtos são utilizados na fabricação de equipamentos de tecnologia avançada. As informações foram publicadas pela emissora japonesa NHK.

O governo japonês, por sua vez, nega ter violado regras da Organização Mundial do Comércio. Segundo o ministro da Economia, Comércio e Indústria do Japão, Hiroshige Seko, suas medidas estão de acordo com as regras do organismo internacional. Ele afirmou que vai avaliar a reivindicação sul-coreana, tomando as atitudes apropriadas com base nas regras da OMC.

A ministra do Comércio da Coreia do Sul, Yoo Myung-hee, afirmou que a ação japonesa tem motivação política e seria discriminatória contra o seu país. Disse ainda que ela estaria ligada a decisões de tribunais sul-coreanos quanto a trabalho no período de guerra.

Yoo Myung-hee declarou que sua pasta planeja pedir ao governo japonês que participe de negociações bilaterais a respeito da questão. A participação é um pré-requisito para a apresentação do caso à OMC.

As autoridades japonesas alegam que as medidas foram implementadas por questões de segurança.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала