Preliminares fatais: americano atira na namorada durante sexo

Nos siga noTelegram
Nos EUA um homem matou acidentalmente a namorada durante o sexo, informa o site do xerife do condado de Hillsborough, no estado da Flórida.

Segundo a polícia, o incidente ocorreu na casa de morador Andrew Shino, de 23 anos. Por volta da meia-noite e meia, ele disparou um tiro não intencional no tronco da namorada durante uma carícia preliminar com uma arma.

Mulher beijando homem - Sputnik Brasil
Espanhola enfrenta risco de vida após sexo oral
A vítima foi levada para o hospital, onde morreu, e Shino foi acusado de causar a morte por negligência, tendo sido libertado sob fiança de 50.000 dólares.

Nos EUA, onde muitos cidadãos dispõem de armas ligeiras, os incidentes com tiroteios são bastante comuns e, por vezes, algo inesperados e estranhos.

Por exemplo, no ano passado, a polícia relatou que uma norte-americana de 69 anos atirou no marido quando descobriu que ele havia adquirido uma assinatura de alguns canais de televisão com conteúdo pornográfico. Ao chegarem à cena do crime, os policiais encontraram o corpo do homem, morto com dois tiros.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала