Índia lança satélite 'espião' para rastrear inimigos (VÍDEO)

© AFP 2022 / HO/ ISROOrganização Indiana de Pesquisa Espacial (ISRO) lança o Polar Satellite Launch Vehicle C-34 (PSLV) do centro espacial Satish Dhawan, em 23 de setembro 2009 (imagem de arquivo)
Organização Indiana de Pesquisa Espacial (ISRO) lança o Polar Satellite Launch Vehicle C-34 (PSLV) do centro espacial Satish Dhawan, em 23 de setembro 2009 (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Nesta segunda-feira (1º), a Organização Indiana de Pesquisa Espacial (ISRO) lançou com sucesso o satélite de inteligência eletrônica EMISAT.

O satélite EMISAT foi arremessado da estação de lançamento espacial Sriharikota, que fica no sul da Índia. A carga útil foi acompanhada por 28 nanossatélites, que a Índia lançou em nome de clientes estrangeiros.

O lançador Polar Satellite Launch Vehicle (PSLV C-45), projetado para colocar satélites em órbita, indica que a maior nação do sul da Ásia está equipada com armas nucleares e que pretende reforçar a sua preparação militar, além de estar pronta para vigiar os movimentos dos adversários.

Lançamento na Índia de um míssil balístico interceptor para derrubar um satélite, 27 de março de 2019 - Sputnik Brasil
Pentágono adverte Índia sobre testes espaciais após derrubada de satélite
Esse satélite indiano de vigilância de órbita terrestre baixa (LEO, na sigla em inglês), lançado hoje para fins militares, pesa 436 quilos e irá monitorar e fornecer a localização dos radares inimigos em seu território. Até então, a Índia era dependente do uso de aviões como plataformas de aviso.

Além do motivo citado, a ISRO também está colocando cargas úteis em três órbitas e conduzindo experimentos espaciais pela primeira vez.

"A missão imediata que estamos buscando é o PSLV C-45. Essa missão é especial no sentido de que, pela primeira vez, o PSLV terá uma missão de três órbitas em um único voo", disse K Sivan, presidente da ISRO.

​Parabéns aos cientistas da ISRO que nunca cansam de fazer a nação segura e orgulhosa. O foguete PSLV45 da ISRO, lançado com sucesso da Sriharikota, está carregando o satélite de inteligência EMISAT, que irá localizar radares inimigos, e mais 28 satélites de clientes (24 dos EUA, 2 da Lituânia, 1 da Espanha e 1 da Suíça)

​O segundo feito tecnológico espacial da Índia em uma semana: O novo foguete PSLV foi lançado com 29 satélites, incluindo o EMISAT, um satélite de inteligência eletrônica de sinais (ELINT) equipado com Kautilya. O PSLV na 4ª fase se transformará em uma plataforma de pesquisa em órbita

O lançamento desse satélite veio logo após a Índia ter disparado um míssil antissatélite (ASAT) como parte da operação Mission Shakti, que começou a funcionar há seis dias.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала