Na Colômbia nasce uma bebê 'grávida' de irmão gêmeo, causando espanto no mundo científico

Nos siga noTelegram
A colombiana Mónica Vega deu à luz um bebê com um embrião dentro dele, informa o jornal La Nación.

O incidente ocorreu na cidade de Barranquilla. Durante uma ecografia, os médicos descobriram nas imagens que dentro do ventre do bebê, que estava no sétimo mês de gestação, havia um outro feto mais pequeno com seu próprio cordão umbilical rodeado de líquido amniótico.

O fenômeno é conhecido na ciência como "gêmeo parasita", também é chamado de "fetus in fetu". É um caso muito raro, no qual um feto malformado é englobado no seu gêmeo com desenvolvimento normal. Acredita-se que ocorre um caso em cada milhão de nascimentos, existem menos de 100 casos mencionados na literatura em todo o mundo.

Recém-nascido (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil
Garota se recusa a dar à luz alegando ser virgem
Os médicos decidiram fazer uma cesariana a Mónica na 37ª semana de gestação. Após a cesariana, os médicos fizeram uma cirurgia à bebê para extrair o gêmeo parasita.

De acordo com o cirurgião Miguel Parra, não se podia esperar mais porque ela corria perigo de vida. O embrião não tinha coração nem cérebro e não poderia sobreviver autonomamente.

Segundo a edição La Nación, este caso é muito raro e desperta curiosidade porque foi descoberto ainda durante a gravidez, normalmente os fetus in fetu são descobertos depois do nascimento.

A cirurgia de extração correu bem à pequena, ela sem o saber se tornou um caso único no mundo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала