TV estatal da Síria relata morte de 10 civis após ataque aéreo da coalizão dos EUA

© AP Photo / Bram JanssenAtaque aéreo da coalizão internacional na Síria (foto de arquivo)
Ataque aéreo da coalizão internacional na Síria (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Neste domingo (17), a TV pública da Síria comunicou sobre a morte de 10 civis no povoado sírio de Baghouz, na província de Deir ez-Zor, devido a um ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA.

"Dez civis, entre os quais crianças, foram mortos como resultado de um ataque aéreo da coalizão internacional contra um acampamento em Baghouz", comunicou o canal Syria TV, citando fontes locais.

No dia 10 de março, as Forças Democráticas da Síria (FDS) anunciaram o início da operação contra terroristas do Daesh (organização proibida na Rússia e em vários outros países) no povoado de Baghouz.

Capacetes Brancos na Síria, 5 de outubro de 2016 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
EUA pretendem fornecer US$ 5 milhões para Capacetes Brancos na Síria
Ao longo de vários meses, as unidades das FDS, apoiadas do ar pela coalizão internacional encabeçada pelos EUA, têm combatido os restos do Daesh. A mídia síria comunica repetidamente sobre vítimas entre civis sírios durante os ataques contra Baghouz, bem como sobre casos de utilização de fósforo branco pela coalizão. 

Na segunda-feira (11), a televisão estatal da Síria comunicou sobre mais de 50 mortos em resultado de um ataque aéreo da coalizão internacional contra o povoado de Baghouz.

As autoridades sírias apelaram para que a ONU tomasse medidas em relação aos culpados de matar civis e de utilizar fósforo branco durante os ataques a Baghouz, bem como para cessar a presença ilegítima da coalizão no território da Síria.

Desde 2014, os EUA e seus aliados vêem efetuando uma operação antiterrorista contra o Daesh na Síria e no Iraque, embora sem autorização das autoridades sírias. Em dezembro, o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou a saída das tropas norte-americanas da Síria. Porém, Washington afirmou que a luta da coalizão internacional liderada pelos EUA contra o terrorismo continuaria.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала