1 israelense morre e 2 ficam gravemente feridos após ataques na Cisjordânia (FOTO)

© AP Photo / Nasser ShiyoukhiManifestantes palestinos durante conflito com tropas israelenses, na Cisjordânia (foto de arquivo)
Manifestantes palestinos durante conflito com tropas israelenses, na Cisjordânia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
De acordo com a edição Haaretz, como resultado dos ataques a tiros e de faca que ocorreram neste domingo (17) em lugares diferentes, três israelenses ficaram feridos, um deles em estado grave.

Segundo os militares israelenses, um palestino esfaqueou um soldado das Forças de Defesa de Israel (FDI) no Nó de Ariel, roubou sua arma, atirou contra civis. Depois disso, roubou seu carro, se dirigiu ao Nó de Gitai Avishar e disparou contra israelenses que estavam em um ponto de ônibus. 

​​De acordo com as informações do serviço nacional de emergência médica e desastres de Israel, dos três feridos em estado grave, um morreu por não ter resistido aos ferimentos.

Caça da Força Aérea de Israel (arquivo) - Sputnik Brasil
Israel declara ter atacado uns 100 alvos em Gaza em resposta ao bombardeio de Tel Aviv
As Forças de Defesa de Israel continuam as buscas do atacante, que conseguiu escapar. 

No início deste mês, três palestinos dirigiram um carro contra um grupo de soldados israelenses na Cisjordânia. Como resultado, dois atacantes foram mortos e um foi ferido pelos militares.

A situação entre Israel e a Autoridade Nacional Palestina permanece tensa em meio a uma série de ataques e incidentes que tiveram lugar nos últimos meses. 

A Palestina está em conflito com o governo israelense há décadas. Tel Aviv se recusa a reconhecer o território palestino como um Estado independente nos territórios da Cisjordânia e da Faixa de Gaza. Além disso, desde 1967, Israel ocupa territórios palestinos na Cisjordânia, incluindo Jerusalém Oriental.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала