Polícia australiana realiza operação relacionada a ataque na Nova Zelândia

© AFP 2022 / Greg WOODMembro da Polícia de Nova Gales do Sul, na Austrália (arquivo)
Membro da Polícia de Nova Gales do Sul, na Austrália (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A polícia da Austrália anunciou a execução de dois mandados de busca em cidades do estado de Nova Gales do Sul relacionados à investigação do tiroteio em massa ocorrido anteontem na Nova Zelândia.

As autoridades disseram que, por volta das 8h30 desta segunda-feira, horário local, um mandado de busca foi executado pela Equipe Conjunta de Contraterrorismo em uma casa da cidade de Sandy Beach, perto de Coffs Harbour, e pouco depois, outro mandado foi executado em uma residência em Lawrence, perto de Maclean.

Polícia armada realiza patrulha em frente a uma mesquita no centro de Christchurch, Nova Zelândia, em 15 de março de 2019 - Sputnik Brasil
Polícia descobre mais uma vítima do massacre na Nova Zelândia
"O objetivo principal da atividade é obter formalmente material que possa ajudar a polícia da Nova Zelândia na investigação em curso", disse a Polícia Federal australiana em comunicado conjunto com a Polícia de Nova Gales do Sul. 

De acordo com os investigadores, a família do suspeito preso pelo ataque no país vizinho está ajudando os detetives.

Na última sexta-feira, o terrorista australiano da extrema direita Brenton Tarrant organizou um ataque contra duas mesquitas da cidade neozelandesa de Christchurch, matando 50 pessoas e deixando outras dezenas de feridos. Embora outras pessoas tenham sido detidas por suposta ligação com o caso, as autoridades acreditam que Tarrant tenha agido sozinho.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала