Mídia: esforço turco de comprar S-400 e F-35 é 'problema de segurança nacional' para OTAN

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensSistema de mísseis antiaéreos S-400 Triumph em funcionamento
Sistema de mísseis antiaéreos S-400 Triumph em funcionamento - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O esforço da Turquia de comprar sistemas russos de defesa antiaérea S-400 e caças norte-americanos F-35 é um problema de segurança nacional para a OTAN, escreve Reuters, citando oficiais dos EUA, que preferiram manter anonimato.

O comentário surge depois de Washington ter avisado na semana passada que se a Turquia comprar sistemas russos S-400, então participação de Ancara no programa dos caça F-35 da Lockheed Martin seria reavaliada.

"A gravidade do risco para o F-35, tanto para os Estados Unidos como para os aliados da OTAN, é tanta que os dois sistemas não podem estar localizados no mesmo local", sublinharam as fontes da Reuters.

Sistema de defesa antiaérea S-400 - Sputnik Brasil
Turquia se nega a revender sistema antiaéreo russo S-400
Os oficiais prometeram que Washington continuará trabalhando em "uma gama de opções para assegurar que a participação da Turquia na OTAN e na relação bilateral possa continuar inalterada e incondicional".

Vale destacar que, anteriormente, o general Tod Wolters, comandante do Comando Aéreo Aliado da OTAN, declarou que as capacidades do S-400 poderiam fazê-lo compreender melhor as capacidades dos aviões de guerra F-35, o que, segundo ele, "não é certamente vantajoso para a coalizão". Wolters ainda revelou a preocupação da OTAN sobre "quanto, por quanto tempo e quão perto" o F-35 poderia operar perto de sistemas S-400.

Sistema de mísseis americano Patriot, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Poderá Turquia ficar sem caças F-35 e sistemas Patriot por querer comprar S-400 russos?
Já o tenente-general David Deptula, aposentado da Força Aérea dos EUA, disse à edição Business Insider que a integração de sistemas S-400 na defesa antiaérea turca poderia levar à "transferência de tecnologia e possíveis compromissos das vantagens do F-35 para o S-400".

Mais anteriormente, o Departamento de Defesa dos EUA avisou que, se a Turquia adquirir sistemas russos S-400, Washington seria forçado a cortar parceria militar com Ancara ao ponto de não vender caças F-35 e sistemas de mísseis Patriot.

Ao mesmo tempo, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, reafirmou o compromisso para compra de S-400 com a Rússia. O contrato de concessão de empréstimo para a venda dos sistemas de defesa antiaérea S-400 à Turquia foi assinado em dezembro de 2017 em Ancara.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала