- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Nem China nem ninguém poderá comprar o Brasil, afirma Bolsonaro

© Foto / Tomaz Silva/Ag. BrasilJair Bolsonaro cumprimenta apoiadores na saída de sua casa, na Barra da Tijuca, zona oeste da capital fluminense
Jair Bolsonaro cumprimenta apoiadores na saída de sua casa, na Barra da Tijuca, zona oeste da capital fluminense - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmou em entrevista à Rede Bandeirantes nesta segunda-feira que nem a China ou qualquer outro país poderá comprar o Brasil. Segundo ele, as relações com Pequim manterão a normalidade em seu governo.

Após receber o embaixador da China no Brasil, Li Jinzhang, Bolsonaro disse à Band que "todos os países podem comprar no Brasil, mas não comprar o Brasil".

"Está na cara que China quer aumentar negócios com o Brasil. Não teremos nenhum problema com a China. Pelo contrário, [o negócio] pode ser até ampliado", declarou ele. 

Eleito com cerca de 55% dos votos válidos para comandar o Brasil a partir de 2019, Jair Bolsonaro, do PSL, fez duros comentários sobre as relações entre Brasília e Pequim ao longo de seu período de campanha, gerando preocupações para empresários, especialistas e autoridades dos dois países. Em um editorial publicado no China Daily, principal jornal estatal do país asiático, os chineses chegaram a alertar sobre as perdas que o Brasil pode enfrentar se adotar uma retórica agressiva em relação a Pequim no próximo governo, a exemplo do que fez o atual presidente norte-americano, Donald Trump.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала