Moscou: Confronto militar ao espaço pode ser tão perigoso quanto corrida nuclear

CC BY 2.0 / Kevin Gill / TerraA Terra (imagem referencial)
A Terra (imagem referencial) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério das Relações Exteriores da Rússia disse nesta sexta-feira que Moscou priorizará a exploração e o uso do espaço exterior de forma pacífica.

Comentando o projeto de orçamento de defesa dos EUA, o Ministério das Relações Exteriores da Rússia observou que um confronto militar no espaço pode ser tão perigoso quanto a corrida armamentista nuclear.

"O confronto armado no espaço exterior não terá impacto menos prejudicial do que a corrida armamentista nuclear que Washington desencadeou em meados do século passado, cujas consequências o mundo inteiro ainda não consegue enfrentar", disse o comunicado.

Satélite no espaço (imagem referencial) - Sputnik Brasil
'O espaço é um campo de guerra': EUA criam Força Espacial
Ao mesmo tempo, o ministério expressou a esperança de que os EUA abandonem medidas que possam ameaçar a segurança global.

A Câmara dos Representantes dos EUA votou na quinta-feira por uma versão orçamentária de Defesa na ordem de US$ 716 bilhões. O projeto de lei deve agora ser aprovado pelo Senado, o que deve acontecer na semana que vem.

De acordo com o documento, o desenvolvimento e implementação de uma "arquitetura de sensor espacial sustentável" deve ser concluída até 31 de dezembro de 2022. O tempo de implantação dos interceptores no espaço não foi determinado, mas, de acordo com vários especialistas, o projeto deve estar concluído até a próxima década.

Atualmente, nenhum país tem armas no espaço, embora, de acordo com acordos internacionais, a proibição se refira apenas a armas de destruição em massa.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала