Aparelho de ressonância magnética 'suga' indiano (FOTOS)

CC0 / jarmoluk / MRIAparelho de ressonância magnética
Aparelho de ressonância magnética - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na cidade indiana de Mumbai, um homem morreu depois de ter sido "absorvido" pela máquina de ressonância magnética (MRI).

Cirurgiões durante operação (imagem referencial) - Sputnik Brasil
A um milímetro da morte: criança sobrevive com prego no cérebro (FOTOS)
Segundo informa o canal de televisão NDTV, o indiano de 32 anos, Rajesh Maru entrou na sala de ressonância magnética com um cilindro metálico de oxigênio. Sendo o campo magnético da máquina extremamente forte, o homem foi "sugado" dentro dela. Os médicos imediatamente desligaram o aparelho e retiraram o indiano, mas dez minutos depois ele morreu na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Parentes do falecido acusaram a equipe médica da instituição de negligência. Segundo eles, Maru foi informado de que o dispositivo estava desligado e permitiu que ele entrasse no consultório.

​O Tweet divulgado acima, apareceu por causa da negligência de médicos e técnicos do hospital onde Rajesh Maru morreu.

"Quando percebemos que não se pode entrar na sala de ressonância magnética com objetos metálicos, o funcionário nos garantiu que era seguro e que eles sempre faziam isso. O médico e o técnico não disseram nada contra", cita representante da família ao canal de televisão.

Segundo informou a polícia local, o processo contra o médico e seus assistentes foi requerido devido a "homicídio por negligência". A administração do hospital também está investigando o acidente.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала