Curdos sírios informam sobre retirada de tropas turcas

© REUTERS / Osman Orsal Fumaça sobre cidade síria de Afrin
Fumaça sobre cidade síria de Afrin - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No decorrer de combates tenazes, os curdos sírios fizeram com que as tropas turcas e destacamentos pró-turcos se retirassem do território curdo, informou o representante do Curdistão sírio em Moscou, Rodi Osman.

"As tropas turcas e grupos ligados a elas tentaram entrar na cidade síria de Afrin, apoiadas pela Força Aérea e ataques de foguetes. Mas as Forças Democráticas da Síria atacaram cinco posições [dos soldados turcos e oposicionistas armados sírios]", declarou Osman à Sputnik.

O presidente sírio Bashar Assad durante um discurso em frente dos diplomatas, em 20 de agosto de 2017 - Sputnik Brasil
Assad: 'Operação turca em Afrin é parte da estratégia para apoiar os terroristas'
Como resultado, os militares turcos "foram obrigados a se retirar do território de Afrin", afirmou o representante dos curdos.

"Eles abandonaram as áreas que tinham conseguido atravessar porque os curdos atacaram e os obrigaram a se retirar", frisou Osman.

Segundo a representação curda, durante os combates foram mortos 10 soldados turcos e cerca de 20 rebeldes pró-turcos. No que diz respeito às baixas entre população civil de Afrin, foram registradas 11 vítimas mortais e 16 feridos.

No domingo (21) agência de notícias turca Anadolu declarou que destacamentos das Forças Armadas turcas e do Exército Livre da Síria avançaram cinco quilômetros para o interior da província de Afrin sem enfrentar qualquer resistência por parte dos curdos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала