Israel é acusado de tentativa de assassinato de líder do Hamas

Nos siga noTelegram
O líder do grupo xiita libanês Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, acusou Israel de tentativa de assassinato de um dos líderes do movimento palestino Hamas, Mohamed Hamdan, conhecido também como Abu Hamza, na cidade de Sídon, no sul do Líbano.

Anteriormente, foi informado que um dispositivo explosivo detonou em um carro BMW em Sídon, no sul do Líbano. O carro pertencia a Mohamed Hamdan, que ficou ferido pela explosão da bomba.

Militantes do grupo xiita libanês Hezbollah - Sputnik Brasil
Trump vai investigar se Obama ignorou tráfico de drogas do Hezbollah por acordo com o Irã
"Tudo indica que o inimigo, Israel, é o responsável pela explosão organizada em Sídon contra um dos líderes do Hamas. Esperamos que isso seja considerado como crime e como uma violação da soberania", disse Nasrallah ao canal de televisão Al-Manar.

Segundo o líder dos xiitas libaneses, a tentativa de assassinato “é um início perigoso a nível de segurança do Líbano”.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала