Serviços secretos norte-americanos revelam como foi explosão do submarino San Juan

© AP Photo / Marinha da ArgentinaSubmarino argentino ARA San Juan
Submarino argentino ARA San Juan - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O submarino argentino San Juan, que desapareceu há quase 2 meses, foi completamente destruído na sequência de uma explosão em 40 milissegundos, comunicou a Agência de Inteligência Naval dos EUA após analisar os dados obtidos pela Organização do Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares.

De acordo com o respectivo relatório, a explosão ocorreu a 400 metros de profundidade, com uma potência aproximadamente igual a 6 toneladas de TNT.

"A fuselagem [do submarino] foi totalmente destruída em 40 milissegundos [0,4 segundos]", diz-se no documento.

A base naval Mar del Plata após o desaparecimento do submarino argentino ARA San Juan - Sputnik Brasil
Rússia, a última esperança dos familiares dos tripulantes do submarino San Juan
Este período é metade do tempo mínimo necessário para ter consciência dos acontecimentos, por isso os marinheiros morreram instantaneamente e sem sofrimento, frisam os funcionários da inteligência estadunidense.

Os destroços do submarino, segundo as avaliações dos serviços secretos, afundaram-se em uma velocidade entre 10 e 13 nós (aproximadamente entre 19 km/h e 24 km/h).

O submarino da Marinha da Argentina, San Juan, parou de entrar em contato com o comando em 15 de novembro durante a passagem da base militar de Ushuaia para o porto de Mar del Plata, dado que a bordo estavam 44 tripulantes.

Os representantes da Marinha relataram sobre uma única explosão que poderia ter sido relacionada com o desaparecimento do San Juan. Ademais, em 15 de novembro os especialistas da Organização do Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares determinaram um "extraordinário sinal subaquático" perto do local do desaparecimento do submersível, informando seus parâmetros.

Passados 15 dias desde o incidente, a Marinha da Argentina anunciou como encerrada a operação de busca e resgate dos próprios marinheiros, mas prometeu continuar procurando pelo submarino.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала