Pela primeira vez Playboy alemã exibe modelo transgênero na capa (FOTOS)

Nos siga noTelegram
Pela primeira vez na sua história, a edição alemã da famosa revista masculina Playboy apresentou uma modelo transgênero na capa da edição de janeiro.

O editor-chefe do jornal, Florian Botin afirmou que colocar a fotografia da modelo de 21 anos de idade e famosa celebridade de TV, Giuliana Farfalla, na capa da edição de janeiro, corresponde completamente com a tradição do fundador da revista, Hugh Hefner, que se opõe completamente a "todas as formas de exclusão e intolerância".

Farfalla, que ficou famosa como modelo participando do reality show de Heidi Klum "Germany's Next Topmodel" ("Próxima top model da Alemanha"), publicou na terça-feira (10) a imagem da capa da edição de janeiro na rede social.

"Meus queridos, estou na última capa da Playboy e muito orgulhosa do resultado", escreveu ela no Instagram.

Giuliana Farfalla, antes chamada de Pascal Radermacher, nasceu em Breisgau, no sudeste da Alemanha e decidiu mudar seu gênero quando tinha 16 anos de idade. Ao explicar sua decisão, ela destacou que quer ficar famosa como mulher e não como modelo trans. No entanto, ficará feliz se conseguir encorajar outros transgêneros com seu sucesso.

No ano passado, a "Playboy" dos EUA retratou pela primeira vez uma "playmate" transgênero na página principal de sua edição de novembro. Ines Rau, uma modelo francesa destacou que Hefner pessoalmente a escolheu para ser a primeira modelo transgênero a aparecer na revista, antes de falecer aos 91 anos em setembro de 2017.

Публикация от INES RAU (@supa_ines) Окт 20, 2017 at 12:05 PDT

As modelos transgêneros estão se tornando muito mais notáveis na moda internacional e mídia. Por exemplo, em março, a edição francesa da Vogue colocou a modelo transgênero em sua capa pela primeira vez, assim como Marie Claire Espanha em 2016.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала