Coalizão árabe corta abastecimento de houthis no Iêmen

© AFP 2022 / MOHAMMED HUWAISMilitantes armados leais aos rebeldes houthis, Sanaa, Iêmen, 20 de junho de 2016
Militantes armados leais aos rebeldes houthis, Sanaa, Iêmen, 20 de junho de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita cortou a principal via de abastecimento dos houthis entre as cidades de Taiz e Hodeida no Iêmen, comunica a agência de notícias WAM.

Caças F-15 da Força Aérea da Arábia Saudita - Sputnik Brasil
Aviação da coalizão árabe efetua ataque contra mercado no Iêmen, matando 20
Segundo uma fonte nas Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos citada pela WAM, no decorrer da operação também foram eliminadas várias dezenas de rebeldes houthis.

O conflito armado no Iêmen dura desde 2014. Nele se enfrentam por um lado os rebeldes houthis do movimento xiita de Ansar Allah e, por outro, as tropas governamentais e milícia leal ao presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi. As autoridades recebem apoio do ar e por terra da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita, e até há pouco, os houthis eram apoiados pelas forças militares leais ao ex-presidente Ali Abdullah Saleh.

Nos finais de novembro, entre os houthis e Saleh ocorreu um conflito que levou à morte de Saleh em 4 de dezembro.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала