Turquia elimina 80 militantes em ataque aéreo no norte do Iraque

Nos siga noTelegram
O exército da Turquia informou nesta quarta-feira (29) que mais de 80 militantes foram mortos em um ataque aéreo no norte do Iraque, onde caças turcos freqüentemente atacam os combatentes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

De acordo com o comunicado, um depósito de armas e dois veículos também foram destruídos no ataque aéreo realizado no início da semana. 

Combatentes curdas na província iraquiana de Kirkuk. - Sputnik Brasil
Curdistão: presença do PKK em Kirkuk é 'declaração de guerra', diz Iraque
O Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que vem travando uma insurgência no sudeste da Turquia desde a década de 1980, também tem bases na fronteira do Iraque.

O histórico confronto entre as forças governamentais turcas e os militantes rebeldes do PKK se intensificou no leste da Turquia em julho de 2015, levando a uma série de atos de violência cometidos pelas duas partes, inclusive em territórios estrangeiros, áreas de maioria curda na Síria e no Iraque. 

Ancara acusa o Partido dos Trabalhadores do Curdistão de ser responsável pela morte de mais de 1.200 pessoas ao longo dos últimos dois anos, incluindo mulheres e crianças.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала