Japão: novo míssil da Coreia do Norte pode conter armas químicas e biológicas

© REUTERS / Toru HanaiTelevisão japonesa mostra lançamento do míssil balístico intercontinental, Hwasong-15, realizado pela Coreia do Norte
Televisão japonesa mostra lançamento do míssil balístico intercontinental, Hwasong-15, realizado pela Coreia do Norte - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ministro da Defesa japonês declarou que o novo míssil, desenvolvido pela Coreia do Norte, pode ser equipado com armas químicas e biológicas.

"Acreditamos que o novo míssil norte-coreano possa portar não só armas nucleares, mas também químicas e biológicas", afirmou na quarta-feira (29) o chefe da Defesa do Japão, Itsunori Onodera.

Líder norte-coreano, Kim Jong-un, após lançamento bem-sucedido de míssil balístico - Sputnik Brasil
Coreia do Norte afirma ter míssil capaz de atingir 'todo o continente dos EUA'
Além disso, Onodera anunciou que os japoneses estão se preparando para um possível ataque, seja ele nuclear, biológico ou químico.

As declarações do ministro japonês sucedem o recente lançamento do míssil balístico intercontinental Hwasong-15, realizado pela Coreia do Norte em 28 de novembro.

Segundo estimam especialistas norte-coreanos, o novo míssil balístico pode atingir "todo o continente dos Estados Unidos".

Ao mesmo tempo, o Ministério da Defesa do Japão comunicou que o míssil caiu em sua zona econômica exclusiva, mais especificamente a 250 km da prefeitura de Aomori.

De acordo com Pyongyang, o Hwasong é "significativamente" mais poderoso que os mísseis testados anteriormente e marca um feito "histórico". Ainda de acordo com os norte-coreanos, o projétil percorreu uma distância de 950 quilômetros em 53 minutos e atingiu uma altitude de 4.475 quilômetros.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала