É preciso fazer pressão na Coreia do Norte, diz OTAN

© REUTERS / Francois LenoirO secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, segura um martelo cerimonial antes de uma reunião entre os ministros da Defesa do bloco e o da Geórgia, em Bruxelas, em 16 de fevereiro de 2017
O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, segura um martelo cerimonial antes de uma reunião entre os ministros da Defesa do bloco e o da Geórgia, em Bruxelas, em 16 de fevereiro de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, afirmou nesta terça-feira (31) que é preciso pressionar a Coreia do Norte para alcançar uma resolução pacífica.

"Para a OTAN, é importante pressionar a Coreia do Norte para garantir que todas as nações implementem as sanções para chegar a uma resolução pacífica", disse Stoltenberg.

Bandeira da China (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
China e Coreia do Sul ensaiam reaproximação diplomática
O secretário-geral da OTAN está no Japão e cumpriu agenda com o primeiro-ministro local, Shinzo Abe, em Tóquio. Stoltenberg também classificou o país de Kim Jong-un como uma "ameaça global" que requer uma "resposta global".

No domingo, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, começará seu tour pela Ásia no Japão. Trump também fará uma visita de Estado na China, onde deve pressionar Pequim por uma postura mais combativa contra a Coreia do Norte. 

Nos últimos meses, a Coreia do Norte tem acelerado seu programa balístico e realizou um teste nuclear. A comunidade internacional reagiu com o aumento das sanções contra Pyongyang.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала