Autoridades da Síria desmentem informação sobre planos de um ataque químico

© AFP 2022 / Ammar al-ArbiniUm especialista das Nações Unidas recolha amostras de solo para investigação do suposto uso das armas químicas na Síria
Um especialista das Nações Unidas recolha amostras de solo para investigação do suposto uso das armas químicas na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ministro para Reconciliação Nacional da Síria, Ali Haidar, desmentiu as declarações da Casa Branca sobre um alegado ataque químico que está sendo preparado por Damasco.

Membros da Defesa Civil da Síria procuram vítimas entre os destroços do prédio destruído, depois de ataques aéreos no bairro de Qatarji, na cidade de Aleppo em 17 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Confirmada a informação sobre filmagens de uso de armas químicas encenadas da Al-Jazeera
Segundo Ali Haidar, citado pela agência AP, Damasco nunca usou armas químicas e nunca irá usar tais armas.

Ele acrescentou que a declaração da Casa Branca prenuncia uma "guerra diplomática" que vai ser realizada contra a Síria na ONU.

Anteriormente, a administração da Casa Branca declarou que o presidente da Síria, Bashar Assad, está alegadamente preparando um ataque químico e ameaçaram que, caso o ataque seja realizado, o preço a pagar pelo governo sírio será elevado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала