Putin aborda tema da energia em reunião com presidente da Comissão Europeia

© Sputnik / Sergey Guneev / Abrir o banco de imagensEncontro do presidente da Rússia Vladimir Putin com o presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo
Encontro do presidente da Rússia Vladimir Putin com o presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente russo Vladimir Putin e o presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker discutiram nesta quinta-feira (16), durante um encontro no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo, as relações da Rússia e da União Europeia na área de energia.

A informações foi prestada à imprensa pelo representante permanente da Rússia na UE Vladimir Chizhov. Segundo ele, Moscou espera conseguir estabelecer um bom diálogo com a Europa após este encontro.

“Energia foi discutida, mas sanções não foram discutidas” – disse Chizhov ao responder a perguntas de jornalistas.

O enviado russo comentou ainda o tema da construção do gasoduto russo North Stream-2 (Corrente do Norte 2), igualmente abordado por Putin e Juncker.

“A Comissão Europeia ainda não possui uma posição comum sobre o North Stream. Diferentes departamentos da Comissão Europeia continuam debatendo a possível aplicação do terceiro pacote energético europeu ao North Stream” — explicou Chizhov.

O projeto Nord Stream 2 visa fornecer 55 bilhões de metros cúbicos de gás russo por ano à UE através do Mar Báltico à Alemanha, evitando a Ucrânia.

Secretário de Estado dos EUA, John Kerry - Sputnik Brasil
EUA: gasoduto russo Nord Stream 2 será negativo para Leste Europeu
Alguns membros da UE receberam o projeto sem grande entusiasmo, temendo que isso aumentasse a dependência do setor energético europeu da Rússia. Ao mesmo tempo, a Alemanha expressou repetidamente o seu interesse relativamente ao projeto, afirmando que isto pode assegurar mais benefícios e garantir a segurança energética para o bloco de 28 países.

Além disso, Rússia e UE divergem em relação ao pacote energético europeu que proíbe que as empresas que sejam proprietárias de linhas de gasodutos possam simultaneamente ser vendedoras de gás. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала