EUA enviam M1 Abrams à Geórgia para impressionar Rússia

© REUTERS / David MdzinarishviliU.S. servicemen walk past U.S. M1A2 "Abrams" tanks as they arrive for the joint U.S.-Georgian exercise Noble Partner 2016 in Vaziani, Georgia, May 5, 2016
U.S. servicemen walk past U.S. M1A2 Abrams tanks as they arrive for the joint U.S.-Georgian exercise Noble Partner 2016 in Vaziani, Georgia, May 5, 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Departamento da Defesa dos EUA enviou o seu principal carro de combate, M1A2 Abrams, à Geórgia a participar na 16ª edição dos exercícios de Noble Partner, último exibição do poder militar americano desde que a sondagem da OTAN tem se tornando mais frequente perto da fronteira russa.

O jornalista Joseph Trevithick insiste, na sua publicação no site The War Is Boring (A Guerra É Chata) que este passo foi designado para enviar um sinal a Moscou.

“O Pentágono chegou a ver veículos blindados como a parte importante da demonstração de força. Por isso a equipa do carro de combate principal M1 Abrams realizou a longa viagem à República da Geórgia em maio de 2016”, escreveu ele.

Soldados americanos perto de um sistema antimísseis Patriot em Sochaczew, perto de Varsóvia, Polônia - Sputnik Brasil
Polônia: OTAN deve aumentar presença no Leste Europeu para deter a Rússia
O Pentágono informou que os exercícios militares devem aumentar as capacidades da autodefesa da Geórgia e treinar as tropas georgianas, que servem na Força da Resposta (NRF, na sigla em inglês) da OTAN. A NRF de 40.000 soldados, que são dos países membros da aliança, foi criada a enfrentar os desafios em qualquer lugar do mundo.

“Além de ajudar aos treinamentos dos georgianos para tarefas de rotina, o Pentágono, sem dúvida, espera que os seus tanques impressionarem Moscou e capitais dos aliados europeus dos EUA”, notou Trevithick.

Além dos tanques, os EUA também enviaram veículos da infantaria, obuses M119 e alguns veículos de apoio. Os exercícios envolvem 650 tropas americanas, 500 membros das forças georgianas e 150 soldados do Reino Unido.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала