Canadá impõe sanções adicionais contra a Rússia

© REUTERS / Chris WattieStephen Harper, primeiro-ministro do Canadá
Stephen Harper, primeiro-ministro do Canadá - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governo canadense expandiu a lista de sanções antirrussas, incluindo três indivíduos e 14 entidades.

Kremlin. Entardecer no verão de Moscou - Sputnik Brasil
Sanções contra Rússia são erro grave, diz eurodeputado
"Nosso governo (…) anuncia sanções adicionais e proibições de viagem contra indivíduos russos, além de sanções econômicas contra entidades russas", diz o comunicado do primeiro-ministro canadense, Stephen Harper. O texto indica que as novas sanções têm relação com a situação na Ucrânia.

A lista de sancionados teve a adição dos líderes do movimento juvenil euroasiático Alexsandr Dugin, Pavel Kanischev e Andrei Kovalenko. Entre as entidades estavam o Marshal Capital Fund, o grupo de motociclistas Lobos da Noite, as empresas petrolíferas Gazprom, Gazpromneft, Surguntneftegaz e Transneft.

As relações entre Moscou e o Ocidente se deterioraram a partir da crise da Ucrânia — em particular, após a reintegração da Crimeia à Rússia, em março do ano passado, após a realização de um referendo. Os países do Ocidente a classificam como "anexação ilegal".

Os Estados Unidos e a União Europeia aprovaram vários pacotes de sanções contra a Rússia, que respondeu com limitações a importações de alimentos dos EUA, da UE, da Austrália, do Canadá e da Noruega.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала