UE quer estatuto especial permanente para Donbass

© Sputnik / Igor Maslov / Abrir o banco de imagensDonetsk está em ruínas após bombardeio de noite
Donetsk está em ruínas após bombardeio de noite - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A União Europeia está a favor da conservação do estatuto especial permanente de Donbass.

Representantes do Quarteto da Normandia durante reunião em Paris nesta terça-feira (23) - Sputnik Brasil
Lavrov: todos concordam que acordos de Minsk são a melhor alternativa para a Ucrânia
Representantes da União Europeia confirmam que o organismo internacional advoga pela conservação do estatuto especial permanente para a região de Donbass, no Leste da Ucrânia, hoje parcialmente controlado pelas autoproclamadas Repúblicas Populares de Donetsk e de Lugansk.

No comentário oficial da União Europeia, Bruxelas pede às partes "para agirem com o objetivo de resolver o conflito" e insiste na concessão rápida de um estatuto especial permanente para a região de Donbass.

"O artigo 11 do conjunto de medidas prevê a realização de uma reforma constitucional na Ucrânia até o final do ano 2015, que deverá incluir a adoção de legislação permanente sobre a situação especial de determinadas regiões de Donetsk e Lugansk," — diz-se no comentário da UE.

Em reunião com os chefes da diplomacia dos outros países que compõem o chamado Quarteto da Normandia, o chanceler russo afirmou também que os quatro ministros já perceberam o perigo do uso da força na região de Donbass e afirmou ter esperança de que o governo ucraniano seja pressionado a cumprir a sua parte no acordo e obedecer a todos os pontos do documento firmado na Bielorrússia há quatro meses. "Os acordos de Minsk devem ser implementados em todas as esferas, incluindo na política", disse Lavrov, acrescentando que a estabilidade em Donbass é uma prioridade internacional.  

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала